Elvas: Comissão Municipal de Proteção Civil reuniu nos Paços do Concelho

Views: 197

Comissão Municipal de Proteção Civil reuniu nos Paços do Concelho

A Comissão Municipal de Proteção Civil reuniu, esta quinta-feira, dia 9, na Câmara Municipal de Elvas com o objetivo de abordar assuntos inerentes ao desenvolvimento operacional de Proteção Civil Municipal.

Por parte da Câmara Municipal de Elvas esteve presente o vice-presidente da Autarquia, Cláudio Carapuça, o coordenador Municipal de Proteção Civil, Tiago Bugio, a responsável pelo Gabinete Técnico Florestal Municipal, Raquel Barrena, para além de representantes das juntas de freguesia, forças de segurança, segurança social, a autoridade de saúde local, entre outros.

Assim sendo, os elementos que constituem a Comissão, aprovaram a ata da Comissão de 5 de junho deste ano, e procedeu-se a uma ação de sensibilização e formação dos agentes de proteção civil e entidades colaborantes no acionamento do Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil (PMEPC).

Neste encontro de trabalho, foi apresentada a retificação do PMEPC, abordando os riscos e perigos existentes no concelho de Elvas, com especial preocupação para os acidentes rodoviários, ferroviários e de matérias perigosas, assim como os critérios de ativação e as funções de todos os agentes de Proteção Civil e entidades colaborantes.

Após esta submeteu-se a votação a aprovação do parecer favorável para submissão deste plano a aprovação, tendo sido o mesmo aprovado por unanimidade.

Abordou-se ainda o incêndio urbano ocorrido na madrugada do passado dia 4, no Centro Histórico da Cidade, dando-se conhecimento a esta Comissão da atuação dos serviços municipais para com esta família elvense no âmbito das competências próprias que lhe estão atribuídas por lei, desde o primeiro momento até ao dia de hoje, sendo que para além dos esforços e contactos desenvolvidos junto de alguns parceiros sociais para garantir bens de primeira necessidade, foi igualmente tratado o realojamento temporário da família afectada para uma habitação propriedade do Município.

Tendo em conta o enquadramento legislativo, e mesmo tendo já o Município uma habitação destinada a situações de emergência desta natureza, uma vez que a que estava disponível foi agora ocupada, aprovou esta Comissão sinalizar mais duas habitações sociais para este efeito.

CME