A Secretária de Estado da Habitação, Marina Gonçalves, foi recebida esta segunda-feira, dia 14, nos Paços do Concelho

Views: 83
A Secretária de Estado da Habitação, Marina Gonçalves, foi recebida esta segunda-feira, dia 14, nos Paços do Concelho, pelo presidente da Câmara Municipal de Elvas, comendador José Rondão Almeida.
A governante esteve em Elvas para conhecer as obras de reabilitação e requalificação de fogos no âmbito do programa 1º Direito, do Programa de Recuperação e Resiliência e o avultado investimento previsto para o período 2021-2026. Nesta visita foi acompanhado pelo vogal do Conselho Diretivo do Instituto da Habitação e Reabilitação Urbana (IHRU).
Um investimento de mais de 62 milhões de euros, a realizar no Centro Histórico da nossa cidade e nas freguesias do concelho, num total de mais de 400 fogos de habitação.
O presidente da Câmara Municipal de Elvas fez uma pequena apresentação da Estratégia Local de Habitação do Município, sendo que até ao momento foram adquiridos pela Autarquia 178 fogos, já com escritura, e em fase de escritura estão mais 40, num investimento que ascende a cerca de dois milhões de euros.
Nesta apresentação, Rondão Almeida adiantou ainda que conta com a intervenção da “senhora secretária de Estado para dar uma ajuda na resolução das questões das casas de função no Caia, em Vila Fernando, na Avenida da Piedade, e com as casas do IHRU no Bairro de São Pedro.
Foi ainda abordada a obra a realizar nos 100 fogos da Boa-Fé e nas casas em Santa Eulália, bem como da intervenção no Bairro das Pias para demolir as habitações existentes e construir novas.
No âmbito do programa Renda Acessível, o autarca apresentou o projeto a realizar na Quinta dos Arcos e na Estrada de Santa Rita, num total de 70 fogos.
A Secretária de Estado da Habitação referiu o total empenho do governo para a resolução dos problemas de habitação, considerando que é “um desígnio nacional e um direito fundamental, ter uma habitação com todas as condições”.
Marina Gonçalves sublinhou ainda que o projeto de Elvas é “ambicioso, complexo, mas tem em conta as necessidades da população e fundamental para dar resposta neste setor social”, manifestando total disponibilidade para trabalhar em parceria com a Câmara Municipal de Elvas.
Após esta sessão, a comitiva visitou três prédios no Centro Histórico de Elvas, que já se encontram em obras de requalificação por parte Câmara Municipal de Elvas, na rua de São Lourenço, na Varandinha João Domingues e na rua do Espírito Santo, e integradas no Programa de Recuperação e Resiliência (PRR).