O Teatro Bernardim Ribeiro de Estremoz vai acolher uma peça de teatro que tem por base uma das mais incríveis histórias de Agatha Christie, a “Mousetrap”, “A Ratoeira”

Views: 2
O Teatro Bernardim Ribeiro de Estremoz vai acolher uma peça de teatro que tem por base uma das mais incríveis histórias de Agatha Christie, a “Mousetrap”, “A Ratoeira” em português, a qual tem batido todos os recordes, estando mesmo registada no Guinness Book of Records, como a peça há mais tempo em cena. Nesta, que é uma produção da Yellow Star Company e que conta com encenação Paulo Sousa Costa, e como interpretes os atores Ruy de Carvalho, Filipe Crawford, Sara Cecilia, Henrique de Carvalho, Sofia de Portugal, Daniel Cerca Santos, Luis Pacheco e Elsa Galvão, um grupo de desconhecidos está preso numa pensão durante uma tempestade de neve, um dos quais é um assassino. Os suspeitos incluem o casal recém-casado que explora a pensão, e as suspeitas nas suas mentes quase arruínam seu casamento, até ali, perfeito. Outros são solteirões com um passado curioso, um arquiteto que parece melhor equipado para ser um chef, um major aposentado do Exército, um homenzinho estranho que alega que seu carro avariou numa estrada perto dali, e um jurista que torna a vida miserável para todos. Entretanto aparece um policia, que vem de esquis, através da tempestade. Mal chega, quando o jurista é morto. Para chegar ao raciocínio do padrão do assassino, o policia investiga os antecedentes de todos os presentes…
Aproveita o município de Estremoz para no final do espetáculo, fazer uma homenagem pública ao veterano e brilhante ator português Ruy de Carvalho, descerrando uma pintura com o seu retrato, a qual figurará para sempre na galeria dos artistas (os mais famosos atores e atrizes nacionais de finais do século XIX e inicio do século XX) que está no balcão desta magnifica e centenária sala de espetáculos. A pintura é da autoria do consagrado pintor hiperrealista português Gustavo Fernandes (1964). O pintor tem um percurso académico e profissional desenvolvido no Canadá e em Portugal ao longo de 27 anos. Frequentou em Montreal a Escola de Belas Artes Mission Renaissance, o programa de Artes Plásticas e Gráficas do Dawson College. É convidado regularmente para palestras sobre arte, tem obras em museus como o Museu da Água – E.P.A.L, Museu João Mário em Alenquer, Museu do Presidente de Astana no Cazaquistão, Museu de Aveiro e Museu do Vinho Bairrada, em Anadia. Das suas grandes exposições internacionais, devemos destacar: O MInistério público e os “50 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos” – Lisboa “Pintura Contemporânea Português para assistir século” Brussels, Belgium “Mostra di Arti applicate Contemporânea“, “OKA objectos com Alma” (UE Presidencia Portuguesa – “Viagens em Portugal“) – Varese, Milão, Itália.
Os bilhetes estão à venda na BOL, no Teatro Bernardim Ribeiro e Posto de Turismo, pelo preço de 10€.