AFP: Sub-14 da AFP participou no Torneio Lopes da Silva

Views: 195

Comunicado: Associação de Futebol de Portalegre

Sub-14 da AFP mostram-se no Torneio Lopes da Silva
A Selecção Sub-14 de Futebol Masculino da Associação de Futebol de Portalegre (AFP)
participou no Torneio Lopes da Silva, a maior competição de formação promovida pela
Federação Portuguesa de Futebol (FPF), que decorreu em Fátima, de 23 a 30 de Junho.
Os pupilos de Joaquim Samarra, Rogério Chinita e Francisco Teixeira sofreram quatro derrotas
e empataram o seu último jogo, somando um ponto numa competição que contou com a
participação das 22 Associações de Futebol do País.
No primeiro jogo, Portalegre entrou apático e foi derrotado por duas bolas frente ao Algarve,
numa partida que se manteve equilibrada até ao intervalo. No segundo jogo, no confronto
alentejano com Évora, a história repetiu-se. Portalegre segurou o resultado até ao intervalo,
mas entrou desconcentrado na segunda metade e sofreu quatro golos.
No terceiro dia o confronto foi com Leira. Nova entrada apática e, ao intervalo, Portalegre já
perdia por 2-0. Na segunda metade, apesar de ter sofrido mais um golo, a turma alentejana
mostrou raça e procurou reduzir a desvantagem.
Seguiu-se o dia de descanso, com um passeio matinal até à praia da Nazaré e uma visita
nocturna ao Santuário de Fátima. O descanso permitiu carregar baterias e motivação para o
confronto com o Porto, uma das selecções mais fortes em competição. Portalegre não evitou
a derrota, mas deu tudo em campo, numa clara demonstração de raça e determinação. E foi
com essa atitude que os jovens da AFP entraram em campo para o seu último jogo. Portalegre
entrou com vontade de vencer e criou várias oportunidades, mas não foi além de um empate
com Ponta Delgada, naquela que foi a melhor exibição da equipa ao longo do Torneio Lopes
da Silva.
No último dia da competição, os jovens foram assistir à final entre Lisboa e Braga, viram a
turma lisboeta vencer mais uma vez o Torneio e ofereceram aos técnicos uma bola
autografada por todos os jogadores, numa clara demonstração de amizade, respeito e união.
O treinador da Selecção Sub-14, Joaquim Samarra, assume que a prestação da equipa ficou
“aquém das expectativas”, o que, na sua opinião, “resulta das nossas limitações em termos
de base de recrutamento e de competitividade”, mas realça que, ao longo da preparação e da
competição, os técnicos “viram os miúdos a crescer”.
“Embora ofensivamente não tenhamos feito golos, melhorámos ao longo do torneio,
principalmente na segunda metade. Depois do descanso sofremos apenas dois golos e tivemos
boas oportunidades para vencer o jogo com Ponta Delgada. Os jogadores cresceram,
assimilaram o que pretendíamos deles e foram muito mais consistentes”, sublinha o
treinador.
A Direcção da AFP considera que, apesar de os resultados não corresponderem às
expectativas, os jogadores e a equipa técnica tudo fizeram para dignificar a nossa região,
numa semana de aprendizagem, amizade e convívio para um grupo que jamais irá esquecer
esta experiência.

AFP