Câmara de Évora concluiu a montagem de ar condicionado nas escolas

Views: 288

Câmara de Évora concluiu a montagem de ar condicionado nas escolas

A Câmara Municipal está atenta às necessidades de conforto térmico do Parque Escolar Municipal, tendo de momento toda a rede pública com sistemas de aquecimento instalados. As alterações climáticas tem trazido temperaturas mais elevadas durante o período letivo, sendo cada vez mais, requerido pela comunidade escolar o arrefecimento dos espaços escolares.

Para o efeito a Câmara Municipal está a implementar de forma faseada a colocação de aparelhos que permitem garantir, de forma célere e eficaz, o arrefecimento dos principais espaços utilizados nos estabelecimento de ensino e educação pré-escolar.

Neste pressuposto a Câmara Municipal de Évora concluiu já a montagem de um conjunto de 31 aparelhos de ar condicionado em vários estabelecimentos de ensino do Concelho, cujo custo total ultrapassou os 26 mil euros (com IVA). Uma medida que vem no seguimento do seu trabalho gradual visando contribuir para uma escola pública de qualidade.

Visando o conforto térmico e um melhor desempenho das crianças, educadores, professores e funcionários, foram instalados nas escolas que não tinham ainda ar condicionado os seguintes equipamentos: EB Sr.ª Glória – 4 salas aula (8 aparelhos); EB Azaruja – 2 salas aula (1 sala – 2 aparelhos, a outra sala, 1 aparelho da Câmara e 1 da Junta de Freguesia); EB Cruz da Picada – 4 salas aula (8 aparelhos e 1 sala Multideficiência – 2 aparelhos; e na EB Almeirim – 3 salas aula (6 aparelhos).

Foi feita ainda a substituição de equipamentos de ar condicionado avariados na EB Vendinha (1 aparelho); EB Frei Aleixo (1 aparelho) e na JI Cruz da Picada (2 aparelhos).

Recorde-se que no primeiro semestre de 2018 foi concluída a instalação de 32 aparelhos de ar condicionado na EB André de Resende, que orçou em 61.098,75 euros e a colocação de um novo chiller (equipamento central onde ligam os aparelhos de cada sala) na EB Galopim de Carvalho, com um custo de 49.200,00 euros, totalizando nesse ano o investimento em novas aquisições em equipamentos para aquecimento e arrefecimento em 136.612,14 euros.

CMÉ