Câmara de Évora quer informação concreta sobre adjudicação do Hospital Central do Alentejo

Views: 110

A Câmara Municipal de Évora decidiu enviar à Administração Regional de Saúde do Alentejo um ofício
solicitando informação sobre a adjudicação do concurso de construção do Hospital Central do
Alentejo, nomeadamente qual a data prevista para essa adjudicação.
Recorde-se que a autarquia tem acompanhado o processo e tem também pedida uma audiência à
Ministra da Saúde para tratar de questões relacionadas com a construção das infraestruturas do
hospital.
O Vereador da Cultura, Eduardo Luciano, manifestou preocupação com o insuficiente orçamento
anunciado para o Museu Nacional Frei Manuel do Cenáculo, em comparação com outros museus
nacionais de escala idêntica.
O Autarca considerou que a Câmara deve manifestar o seu repúdio por esta discriminação junto dos
órgãos adequados. Sublinhou também que esta é uma forma de asfixiar o museu e expressou a sua
solidariedade para com respetivos trabalhadores que, apesar da falta de condições e verbas, dão o seu
melhor para o manterem.
De entre o conjunto de assuntos tratados nesta reunião, destaca-se ainda a aprovação unânime do
procedimento de concessão do serviço público de passageiros na cidade de Évora (que inclui o
programa de concurso e o caderno de encargos), o qual segue agora para deliberação na próxima
sessão da Assembleia Municipal, a realizar no dia 26 de Junho.
Na nova concessão prevê-se o aumento da oferta de serviços e a orientação para meios de transporte
mais sustentáveis, sendo que os novos autocarros são já de uma classe superior, emitindo menos
gases poluentes. Salienta-se ainda que não está previsto o aumento das tarifas aos utentes.