Incêndios florestais: UE duplica frota rescEU de combate a incêndios no verão de 2023

Views: 458

Foto. Pierre-Yves Jortay / Comissão Europeia

Na sequência do Discurso sobre o Estado da União proferido pela presidente Ursula von der Leyen em setembro do ano passado, o comissário da Gestão de Crises, Janez Lenarčič, anunciou recentemente a duplicação da frota aérea rescEU de combate a incêndios para a época de incêndios florestais deste ano, durante o 10.º aniversário do Centro de Coordenação de Resposta de Emergência da UE, em Bruxelas.

A reserva de aeronaves rescEU de combate a incêndios para este verão inclui 24 aviões e 4 helicópteros de 10 Estados-Membros (nomeadamente dois aviões ligeiros de Portugal).

Frota rescEU de combate a incêndios para 2023 

  • A reserva de aeronaves rescEU de combate a incêndios inclui 24 aviões e 4 helicópteros de 10 Estados-Membros:
    • Dois aviões anfíbios médios da Croácia
    • Dois aviões ligeiros de Chipre
    • Dois helicópteros da Chéquia
    • Dois aviões anfíbios médios e um helicóptero da França
    • Dois aviões ligeiros da Alemanha
    • Dois aviões anfíbios médios, dois aviões ligeiros e um helicóptero da Grécia
    • Dois aviões anfíbios médios e dois aviões ligeiros de Itália
    • Dois aviões ligeiros de Portugal
    • Dois aviões anfíbios médios de Espanha
    • Quatro aviões ligeiros da Suécia
  • Além disso, a Áustria, a Bulgária, a Finlândia, a França, a Alemanha, a Letónia, Malta, a Polónia, a Roménia, a Eslováquia e a Eslovénia enviarão cerca de 450 bombeiros para ficarem destacados em França, na Grécia e em Portugal.

Medidas de prevenção e de acompanhamento

Na sequência dos apelos dos ministros da UE e do Parlamento Europeu, a Comissão elaborou também, em 2022, um plano de ação para a prevenção de incêndios florestais. Este plano de ação está organizado em torno de três objetivos: 1) melhorar a capacidade administrativa; 2) melhorar os conhecimentos; 3) aumentar os investimentos em ações de prevenção de incêndios florestais.

No âmbito do plano de ação de prevenção, a UE lançou uma nova metodologia de análise pelos pares no domínio dos incêndios florestais. Este novo instrumento ajuda os países a avaliar a sua capacidade de prevenção e preparação para os incêndios florestais e apoia o intercâmbio de boas práticas entre os países europeus, no âmbito do Mecanismo de Proteção Civil da União Europeia.

Além disso, no Centro de Coordenação de Resposta de Emergência, está a ser criada uma equipa de apoio aos incêndios florestais para permitir o acompanhamento e a análise quase em tempo real da situação dos incêndios florestais entre meados de junho e meados de setembro.

Fonte: Comissão Europeia

 

Outras informações sobre a UE:

EUROPE DIRECT Alto Alentejo

Tel. 245 301509; E-mail: europedirect@ipportalegre.pt

Rede EUROPE DIRECT | Cofinanciado pela União Europeia