Matemática: Ministra da Educação preside em Évora à entrega de medalhas a alunos “olímpicos”

Views: 5012

evora_igreja_s_antaoÉvora, 28 mar (Lusa) – A ministra da Educação, Isabel Alçada, preside hoje, em Évora, ao encerramento da 28.ª edição das Olimpíadas Portuguesas de Matemática, cuja final, desde quinta feira, juntou naquela cidade alentejana 60 alunos de todo o país.

A sessão de encerramento engloba, a partir das 10:30, a entrega de medalhas aos melhores 24 alunos da competição, metade deles da categoria A, destinada ao terceiro ciclo do ensino básico, e a outra metade da categoria B, para os estudantes do ensino secundário.

A cerimónia que marca o término da 28.ª edição daquele que, segundo o Ministério da Educação, é “um dos maiores eventos realizados em Portugal” nesta área, no que respeita aos ensinos básico e secundário, decorre no Teatro Garcia de Resende, em pleno centro histórico de Évora.

Apostada em desenvolver o gosto dos jovens pela Matemática, a iniciativa, que teve ainda duas eliminatórias e é organizada pela Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM) e pelo Departamento de Matemática da Universidade de Coimbra, contou este ano com a participação de 33 mil alunos, oriundos de cerca de mil escolas.

À final de Évora das Olimpíadas Portuguesas de Matemática (OPM) chegou um total de 60 alunos, do norte, centro e sul, tendo metade disputado a categoria destinada aos oitavo e nono anos do terceiro ciclo do básico e a outra metade competido na categoria reservada aos alunos do 10.º ao 12.º anos.

Nos dois dias de provas, na sexta feira e no sábado, cada candidato teve de resolver um conjunto de problemas matemáticos, “sem ajuda de computadores, nem de livros, só com o seu material de escrita e de desenho”, explicou à agência Lusa Joana Teles, da SPM.

Na cerimónia de hoje, vão ser conhecidos os melhores 24 estudantes de Matemática, pois, em cada uma das duas categorias, referiu Joana Teles, 12 alunos vão receber medalhas: três de ouro, igual número de prata e seis de bronze.

“Os prémios são sempre uma surpresa, mas temos melhorado de ano para ano e eles devem estar muito curiosos por saber o que é que vão ganhar”, garantiu a responsável.

Dado o interesse das escolas e dos alunos, as OPM vão integrar, na próxima edição, mini olimpíadas para estudantes do terceiro e quarto anos do primeiro ciclo do ensino básico, assim como novas categorias para jovens que frequentam o segundo ciclo e o sétimo ano do terceiro ciclo do básico.

RRL.

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Lusa/Tudoben

Comments: 0