Universidade de Évora suspende atividades letivas presenciais

Views: 167

A Universidade de Évora suspende a partir de segunda-feira, dia 16 de março, as aulas presenciais, sendo substituídas por ensino à distância. Em comunicado à Academia a Reitoria apelou à comunidade académica para que se mantenha o civismo, bem como a observância das medidas de contenção amplamente divulgadas pelas Autoridades de Saúde, mantendo a distância social.
A autoridade de saúde local considera não haver critérios epidemiológicos que justifiquem encerramento das instalações.

Considerando o alarme social e a instabilidade que se vive atualmente, outras medidas foram tomadas, nomeadamente:
– A suspensão de todos os estágios;
– A suspensão de reuniões de júri ou concursos públicos, presenciais, na Universidade de Évora;
– Nenhuma deslocação em serviço será autorizada e as que já estão autorizadas são suspensas, incluindo as deslocações para júris de provas ou concursos públicos;
Mantêm-se todas as decisões já tomadas anteriormente no que diz respeito a eventos culturais, atividades desportivas e visitas aos edifícios.

Quanto à implementação destas decisões a Reitoria determinou que as aulas agora suspensas que não possam ser substituídas por ensino à distância serão repostas assim que a situação normalizar, podendo eventualmente vir a ser alterado o calendário escolar.

Mantêm-se abertas todas as residências universitárias, bem como as cantinas, com o serviço de take away a funcionar.
Estas medidas mantêm-se em vigor até decisão contrária.
A gestão de uma crise desta natureza requer
responsabilidade, articulação constante com as autoridades competentes, de forma a evitar alarmismos e intervenções sectoriais ou isoladas, que em termos de saúde pública são frequentemente contraproducentes. Continuaremos a seguir de perto o desenrolar da situação, pelo que estas medidas poderão ser ajustadas ou complementadas por outras, conforme as circunstâncias exigirem.