Almanaque Lusa – 13 de Janeiro

Views: 589

lisboaHoje é Quarta-feira, 13 de Janeiro, décimo terceiro dia do ano. Faltam 352 dias para o final de 2010.

Este dia é dedicado a Santo Hilário de Poitiers, Bispo, Doutor da Igreja.

Nos céus, a Lua encaminha-se para a Fase Nova. Lua Nova, dia 15, às 07:11.

O sol nasce às 07:54 e o ocaso regista-se às 17:37.

No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 01:35 e 14:02 e a baixa-mar às 07:56 e 20:02.

Os nascidos nesta data pertencem ao signo Capricórnio, destacando-se o Infante D. João, filho de D. João I (1400), que manifestou as suas reservas em relação à guerra de Marrocos e defendia que a conversão dos infiéis deveria ser obtida pelo apostolado e não pela força.

Nesta data, em 1559, era coroada Isabel I de Inglaterra. Em 1759, eram executados em Lisboa os Marqueses de Távora e o Duque de Aveiro. Em 1839, era criada a Universidade Politécnica do Porto, uma iniciativa de Passos Manuel.

Em 1893, nascia o Partido Trabalhista Independente britânico. Em 1898, o escritor francês Émile Zola escrevia ao presidente de França a célebre carta “J’Acuse”, sobre o processo Dreyfus. Em 1941, morria o escritor irlandês James Joyce, autor de “Ulisses”.

Em 1984, os representantes de nove repúblicas de Coimbra decidiam, por unanimidade, criar o Conselho das Repúblicas, órgão representativo das casas tradicionais dos estudantes da academia. Em 1986, Francisco Pinto Balsemão demitia-se do Parlamento Europeu e o líder radical palestiniano Abu Nidal reivindicava a autoria dos atentados de Dezembro nos aeroportos de Roma e Viena.

Em 1990, tomava posse o governador da Virgínia, Douglas Wilder, 58 anos, o primeiro governador negro eleito nos EUA. Em 1991, Mário Soares era reeleito, à primeira volta, presidente da República Portuguesa, com 70,4 por cento dos votos. Em Cabo Verde, o MdP vencia as primeiras eleições multipartidárias.

Em 1997, Diana de Gales visitava Angola, como embaixadora da Cruz Vermelha Internacional, na campanha contra o uso de minas anti-pessoais. Em 2002, morria o comandante Gomes Mota, 69 anos, militar ligado ao 25 de Abril, ex-presidente da TAP e director das campanhas presidenciais de Mário Soares em 1986 e 1991. Na mesma data morria o marinheiro, Gregório Fuentes, 104 anos, comandante do iate El Pilar do escritor norte-americano Ernest Hemingway, figura que inspirou o protagonista de “O Velho e o Mar” do prémio Nobel da Literatura (1954).

Em 2004, regressava a Lisboa, 300 anos depois da sua apresentação, a ópera “Montezuma”, do compositor napolitano Francisco Majo, pela orquestra Cappella della Pietá dei Turchini, dirigida pelo maestro Antonio Florio.

Em 2005, o Tribunal de Contas alertava para o “decréscimo significativo e continuado” do saldo global da Segurança Social. E o primeiro-ministro espanhol José Luís Rodriguez Zapatero recusava o pedido do “lendakari” Juan Ibarretxe, para negociar a proposta de soberania aprovada pelo Parlamento basco.

Em 2006, começava o caso Envelope 9, com a notícia do jornal 24 Horas sobre a inclusão, no processo Casa Pia, dos registos de chamadas telefónicas de titulares de órgãos de soberania.

No mesmo dia, o Tribunal Europeu de Justiça condenava o Estado português por não ter transporto a lei comunitária de protecção da água. E o Irão ameaçava suspender a cooperação com a AIEA se o programa nuclear fosse levado ao Conselho de Segurança da ONU.

Em 2007, morriam Michael Brecker, 57 anos, saxofonista de jazz norte-americano, vencedor de 11 Grammys; e Ray Gute Mertin, 64 anos, agente literária alemã, principal divulgadora da literatura portuguesa na Alemanha, onde lançou José Saramago, António Lobo Antunes, Mário Cláudio, Lídia Jorge e José Cardoso Pires, entre outros.

Em 2008, cerca de 2.500 habitantes numa freguesia de Évora ficavam sem gás canalizado devido a um corte no abastecimento por precaução, após duas explosões em quatro dias, que provocaram um ferido grave, que as autoridades atribuíram a uma eventual fuga através dos esgotos. Morria o tenor Sergueï Larine, que actuou em algumas das mais importantes salas de espectáculo mundiais, do La Scala de Milão à Metropolitan Opera de Nova Iorque, em Bratislava, aos 51 anos, informou a Ópera de Paris.

Em 2009, José de Oliveira Costa é ouvido na Comissão Parlamentar de Inquérito ao Caso BPN. O Cardeal Patriarca de Lisboa advertia as jovens portuguesas sobre o “monte de sarilhos” resultantes do casamento com muçulmanos, numa comunicação na Figueira da Foz. Morria Mansour Rahbani, músico e compositor libanês, 83 anos; e Arne Naess, filósofo e ecologista norueguês, fundador da corrente conhecida como “Ecologia profunda”, 96 anos.

Lusa/Fim.

Comments: 0