Elvas: Obra de beneficiação do cais das piscinas do CEN inaugurada

Views: 79

A obra de requalificação do cais envolvente às cubas da Piscina José Vicente Abreu do Clube Elvense de Nataçã, foi inaugurada, este sábado 13, com a presença do secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo.

A cerimónia contou também com a presença do presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha; do presidente do Instituto Português do Desporto e Juventude, Vítor Pataco; do diretor regional do Alentejo do Instituto Português do Desporto e Juventude, Miguel Rasquinho; do deputado da Assembleia da República pelo círculo de Portalegre, Luís Moreira Testa; e do presidente do Clube Elvense de Natação, Luís Lopes da Silva, entre outras individualidades.

Na sua intervenção, o presidente do Clube referiu ser “a concretização de um desejo de há muito, uma vez que este equipamento já tem muitos anos”, salientando assim a importância “do apoio que nos foi concedido, quer pelo IPDJ, ao abrigo do Programa de Reabilitação de Instalações Desportivas(PRID), quer pela Câmara Municipal de Elvas”.

Nuno Mocinha começou por referir ser uma “data importante, por ser o culminar de um projeto que dota esta casa de outras condições de utilização”, acrescentando que, em tempos idos,” esta era a casa onde muitos aprenderam a nadar”, num projeto que “desde o início contou com o apoio do Município”.

O secretário de Estado da Juventude e do Desporto referiu a “honra que é, para mim, estar aqui hoje nesta iniciativa, que significa a melhoria de mais um equipamento desportivo, que provavelmente já teria feito esta candidatura em outras ocasiões, mas só agora viu a mesma concretizada”.

João Paulo Rebelo salientou ainda a importância das coletividades “que  são quem impulsiona a prática desportiva, muitas vezes com dificuldades. Daí que seja importante continuar a apoiar este tipo de projetos e é para esse fim que existe o Programa de Reabilitação de Instalações Desportivas, que este ano já aprovou dezenas de candidaturas por todo o país”.

A obra contemplou a beneficiação e renovação do cais envolvente às cubas, num investimento de cerca de  70 mil euros.