Feira do Livro de Reguengos de Monsaraz com cerca de 20 editoras e mais de seis mil livros

Views: 729

feira_livro_reg_monsarazO Município de Reguengos de Monsaraz vai organizar entre os dias 12 e 18 de Abril a 14ª Feira do Livro. O evento vai estar aberto ao público entre as 10h e as 22h num pavilhão colocado na Praça da Liberdade e terá para aquisição mais de seis mil livros de cerca de 20 editoras.

A Feira do Livro abre na segunda-feira, pelas 18h, seguindo-se às 21h30 uma tertúlia sobre os livros com Manuel Sérgio, Ilídio Tavares, Carlos Trigo, Maurício Rebocho e Emídio Carraça e a actuação do Grupo de Clarinetes da Sociedade Filarmónica Corvalense. O livro “Pequenos Escritores, Pequenos Leitores”, editado pela autarquia e com textos escritos por alunos do 1º Ciclo do Agrupamento de Escolas de Reguengos de Monsaraz, será lançado na terça-feira, com sessões no Auditório Municipal às 10h e às 14h para as crianças do concelho.

A apresentação do livro terá animação de leitura a cargo de Pedro Leitão que vai contar as histórias “Os artistas da almofadinha verde”, “O super leitão cor de laranja”, “A praia da rocha amarela”, “O leitão azul” e “A viagem no carro encarnado”. A partir das 21h30 decorrerá uma conferência sobre a livraria de D. Manuel II, intitulada “O Livro Antigo”, que será proferida por João Ruas, bibliotecário-arquivista do Museu Biblioteca da Casa de Bragança.

Na quarta-feira, dia 14 de Abril, o Auditório Municipal recebe pelas 21h30 o espectáculo de fantoches “História do 25 de Abril”, com o Grupo Maurioneta, e na quinta-feira, também às 21h30, no pavilhão da Feira do Livro, decorrerá mais uma tertúlia com os mesmos convidados, desta vez sobre as comemorações dos 20 anos de actividade do Grupo Maurioneta.

Na sexta-feira, às 11h, no pavilhão da Feira do Livro haverá a cerimónia pública do Auto de Doação da Biblioteca do Dr. José Rosa Sereto ao Município de Reguengos de Monsaraz. Neste espólio encontram-se 2626 títulos, dos quais 1908 são monografias e 718 são periódicos. Grande parte dos periódicos adquiridos pelo Dr. José Rosa Sereto durante o período do Estado Novo eram edições que estavam proibidas pela censura, como por exemplo a Seara Nova (610 revistas) e os cadernos D. Quixote.

À noite, pelas 21h, decorrerá no Auditório Municipal um espectáculo de teatro e dança com o Grupo de Teatro Infantil do Outeiro “Ovelhinhas Traquinas”, que vai apresentar a peça “A Formiga”, seguindo-se, pelas 22h, a música popular portuguesa dos “Trovadores de Redondo”. No sábado, às 17h, no Auditório Municipal, acontece o lançamento do livro de poesia “Artérias”, de Manuel Sérgio, com a participação de José Farinha, Grupo de Sopro e Percussão da Sociedade Filarmónica Corvalense, Sara Ramalho, Ricardo Pereira, Telma Sérgio, Carlos Rebocho e Maurício Ramalho.

O último dia da Feira do Livro será preenchido com a apresentação do livro “Pedagogia do Positivo – Uma Década de Palavras Geradoras na Imprensa”, de Bravo Nico, que reúne artigos publicados pelo autor ao longo de uma década de colaboração com o jornal Diário do Sul. Com este escritos, Bravo Nico lembra a importância de observar a realidade que nos cerca com uma atitude positiva, quando muitas vezes tudo puxa em sentido contrário. O lançamento deste livro decorrerá no Auditório Municipal a partir das 17h, seguindo-se uma hora depois um espectáculo com o Coro do Clube Millennium BCP.

A 14ª Feira do Livro de Reguengos de Monsaraz vai ter como actividades permanentes uma Exposição de Marionetas com os fantoches da História do João Pateta, História do 25 de Abril e Aventura do Coelhinho, assim como a iniciativa a Hora do Conto em que serão contadas histórias infantis para as crianças.

C.B.

Comments: 0