Tabaco: Quatro escolas do Alentejo vão ficar “livres de tabaco” em projecto inédito em Portugal

Views: 386

Quatro escolas básicas do 3/0 ciclo do Alentejo vão ficar “livres de tabaco”, na sequência de um projecto pioneiro a nível nacional, que envolve os serviços regionais de saúde, educação e juventude.

    O Director Regional de Educação do Alentejo (DREA), José Verdasca, explicou hoje à agência Lusa que o objectivo da iniciativa passa por “sensibilizar os jovens para práticas de não consumo de tabaco”.

    Intitulado “Escolas Livres de Tabaco 2008/2010”, o projecto mobiliza a Administração Regional de Saúde (ARS) e as direcções regionais de Educação e do Instituto Português da Juventude (IPJ), cujo protocolo é assinado quarta-feira, às 16:00, no Governo Civil de Évora.

    Trata-se, segundo José Verdasca, de um projecto pioneiro a nível nacional, que “aparece com grande envolvimento e com grande força”, mobilizando vários sectores.

    “Queremos envolver os jovens em trabalhos que demonstrem os malefícios do tabaco”, acentuou.

    O responsável regional do Ministério da Educação destacou ainda as consequências que esta cultura de cidadania e de recusa ao consumo de tabaco e outros produtos possam ter nos próprios jovens e nos colegas.

    “As acções já estão no terreno, mas a sua formalização só será quarta-feira do ponto de vista administrativo”, disse, recordando que os serviços regionais de saúde, educação e juventude “começaram a trabalhar nesta área um pouco antes do início do actual ano lectivo”.

    O projecto abrange as escolas básicas integradas da Amareleja (Beja), Arronches (Portalegre) e Malagueira (Évora) e a escola básica 2,3 Vasco da Gama (Sines).

    Os trabalhos, desenvolvidos pelos alunos, serão apresentados no final do ano lectivo, sendo que os melhores serão premiados com estadias em Pousadas da Juventude.

   

    SYM.

    Lusa/Tudoben

Comments: 0