Alvalade Medieval e os 500 Anos do Foral Manuelino

Views: 438

8Nos próximos dias 17, 18 e 19 de Setembro realiza-se em Alvalade (vila histórica do concelho de Santiago do Cacém), mais uma edição do “Alvalade Medieval”.

Este ano, de forma muito especial visto tratar-se das Comemorações dos 500anos sobre a atribuição do Foral, pelo Rei D. Manuel I, em Santarém aos 20
de Setembro do Ano de 1510.  Com este documento, concedia-se a Alvalade e aoseu Concelho, importantes regalias administrativas, regularizando a vida local, nomeadamente na área fiscal e de transação de bens e mercadorias. 
Desde a recuperação e recolocação do pelourinho, pela Câmara Municipal de
Santiago do Cacém, em 20 de Setembro de 2000, esta data tem sido celebrada
de forma intensa pelos Alvaladenses. A realização da Feira Medieval, tem
vindo a contribuir para o desenvolvimento da Vila de Alvalade contando-se
por largos milhares os visitantes que anualmente acorrem à nossa terra para
assistirem ao evento. Este ano, mais uma vez tudo está a postos para receber
todos os que nos venham visitar. De realçar que no dia 20 de Setembro – 2ª
feira – será celebrada a data histórica dos 500 anos do Foral. 

Para além da participação das crianças e jovens do Agrupamento de Escolas,
com lançamento de balões com mensagens alusivas à efeméride, terá lugar
pelas 19.30h, no Salão da Casa do Povo, uma Sessão Solene evocativa, que
contará, entre outros convidados, com a presença de S.A.R. Dom Duarte Pio,
Duque de Bragança que se associa às celebrações dos 500 anos do foral
manuelino de Alvalade. Seguidamente será descerrado na frontaria do edifício
dos antigos Paços do Concelho, um painel de azulejos, que lembrará no futuro
esta data importante. Segue-se um repasto, oferecido aos convidados e
população que nos visita neste dia. 

Depois será a vez da animação, na Praça D. Manuel I, pela empresa Vivarte e
a terminar as comemorações um vistoso fogo de artifício da responsabilidade
da “Pirotecnia Minhota”, a mesma empresa que participou na sessão de fogo de
artifício lançado no final do ano, na ilha da Madeira.
De notar que a entrada neste dia no recinto e a assistência ao repasto e à
animação, na Praça D. Manuel I, bem como o espectáculo de fogo de artifício,
serão inteiramente gratuítos.

Comments: 0