Municípios de Alter do Chão, Crato e Portalegre vão ser literalmente invadidos por orientistas de todo o Mundo

Views: 5069

portugal_o_meeting_logoDe 05 a 08 de Março de 2011, os Municípios de Alter do Chão, Crato e Portalegre vão ser literalmente invadidos por orientistas de todo o Mundo.

O Portugal O’ Meeting  é o evento regular de Orientação Pedestre mais importante de todos os que se realizam em Portugal. Em 2011 terá a assinatura do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos, em parceria com as Câmaras Municipais de Portalegre, Crato, Alter do Chão e a Federação Portuguesa de Orientação. No seu historial é a segunda vez que o Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos organiza este evento, depois de no ano de 2003 ter feito a sua estreia em Paredes de Coura e Viana do Castelo.

A História do Portugal O’ Meeting

A história do Portugal O’ Meeting tem início no ano de 1996, na Vila de Mafra, onde se disputou tendo lugar em plena Tapada Nacional. O Portugal O’ Meeting atingiu grande sucesso em toda a Europa porque nessa altura existiam poucas provas no Inverno. Com um clima ameno e com terrenos desconhecidos, Portugal atrai os melhores especialistas mundiais que aproveitam para aqui estagiar e competir.

Em 1997 o POM realiza-se no Furadouro (Ovar), com “as árvores Marrecas a verem passar atletas de mapa na mão”. Nesse ano, o Campeão do Mundo venceu a competição de Elite. Em 2000, em Mira, o POM passou a realizar-se no período do Carnaval e com a duração de 4 dias. Além das três localidades já mencionadas o evento passou também pela Praia do Meco, Tomar, Arcos de Valdevez, Praia da Vieira, Viana do Castelo, Paredes de Coura, Évora, Reguengos de Monsaraz, Chaves, Boticas, Abrantes, S. Pedro do Sul, Faro, Tavira, Mora e Figueira da Foz.

Em 2010, na Figueira da Foz, o POM bateu todos os records de participação, com 1850 atletas dos quais 1230 estrangeiros de 33 Países e com os melhores do Mundo a marcarem presença no evento.

O Próximo ano

O POM 2011, desenrola-se em quatro etapas distintas, com a Coudelaria de Alter a ter a primazia de abrir o evento com uma prova de distância longa. O Couto da Arnela no Crato receberá os participantes na segunda etapa, num terreno espectacular para a prática da modalidade, pontuando esta etapa de distância Média para o Ranking Mundial da Federação Internacional de orientação. A Herdade de Entre-Ribeiras em Portalegre fará as honras da casa no que a Portalegre diz respeito com a terceira e quarta etapas, respectivamente de distância longa e distância Média.

A organização garante que a XVI edição do Portugal O’ Meeting se prepara para bater todos os records. No total, a competição espera acolher cerca de 2000 participantes, sendo 1400 estrangeiros, oriundos de 32 países distintos.

Como à semelhança das edições anteriores também o POM 2011 será pontuável para o ranking Mundial, item que o coloca sob o olhar atento dos adeptos da Orientação à escala planetária.

Na edição anterior, na Figueira da Foz, o russo Michael Mamleev e a suiça Simone Niggle Luder venceram após despique emocionante com inglês Scott Fraser e a sueca Helena Jansson. Como irá ser em 2011?

Cultura e desporto de mãos dadas

Mas o evento não vive apenas da vertente desportiva. A organização tem tido na cultura uma aliada de excelência e em 2011 não será excepção. Depois de nomes como os dos jornalistas Fernando Correia, Álvaro Costa ou Mário Zambujal e dos atletas Fernando Mamede, Fernanda Ribeiro, Marta Moreira ou Manuel Paiva, a edição 2011 promete apresentar várias surpresas.

Mas há mais. Após o lançamento, com enorme sucesso, das duas primeiras edições do livro de Crónicas “Norte Alentejano O’ Meeting 2007 | 2008”, e 2009, Joaquim Margarido prepara-se para apresentar a terceira edição das Crónicas, incidindo sobre o evento de 2010. Também a exposição de fotografia, igualmente da autoria de Joaquim Margarido, revivendo a prova do Crato, vai ser para continuar assim como o Concurso de Fotografia que pretende motivar os participantes a descobrir e registar a beleza impar das paisagens do Norte Alentejano, pano de fundo do Portugal O’ Meeting.

Na sequência do evento que implantou a orientação nesta Região já com quatro edições realizadas, o Norte Alentejano O’ Meeting (NAOM), vai continuar a existir, visto a organização denominar a etapa do 3º dia, que será pontuável para a Liga Mundial, com o seu nome com o objectivo de manter esta tradição que desejamos continuar nos anos seguintes.

A prova é aberta a todos os que desejam desfrutar da Natureza no seu estado mais puro. Se gosta de explorar a natureza e dum bom percurso pedestre, se sente curiosidade em aprender Orientação, venha participar no POM. A organização disponibiliza monitores para o acompanhamento e ensino.

Comments: 0