SEF detém homem alvo de mandado de captura internacional

Views: 478

justica_notO Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) anunciou ontem a detenção de um homem alvo de um mandado de captura internacional, no concelho de Torres Vedras, durante uma operação de combate à angariação de mão-de-obra ilegal e tráfico de pessoas.

O homem foi presente ao Tribunal de Torres Vedras, tendo ficado sujeito a apresentação periódica às autoridades, disse à Lusa fonte do SEF.

A detenção foi realizada no âmbito de uma operação que decorreu em simultâneo nos concelhos de Torres Vedras e Odemira.

Em causa estão indícios da prática de crimes de associação de auxílio à imigração ilegal, auxílio à imigração ilegal, angariação de mão-de-obra ilegal, tráfico de pessoas, extorsão, receptação de material roubado e falsificação de documentos.

Os indícios criminais enquadram-se no plano da actuação de um alegado “grupo criminoso organizado”, que se dedicava a trazer cidadãos oriundos de países situados no leste da Europa para o mercado de trabalho clandestino em Portugal, a troco de “avultadas quantias monetárias”.

“Relativamente a alguns cidadãos, a organização obtinha contratos de trabalho junto de empresários do ramo agrícola com intuito de obter fraudulentamente vistos consulares que lhes permitissem a entrada no espaço Schengen”, explicou o SEF, em comunicado.

Em relação a outros cidadãos, pelo facto de residirem na União Europeia, não necessitando de visto, “a organização tratava do seu transporte para território nacional, da estadia e colocação no mercado de trabalho clandestino, extorquindo os trabalhadores”.

O SEF identificou mais de trinta cidadãos estrangeiros e apreendeu armas, dinheiro e documentos, numa operação que mobilizou cerca de 50 operacionais.

ACL.

Lusa/Fim.

Comments: 0