Marvão: Município contesta alegada redução de horários na estação dos CTT, mas empresa rejeita ter apresentado medida

Views: 5021

Marvão, Portalegre, 23 fev (Lusa) – O município alentejano de Marvão manifestou-se hoje contra uma alegada proposta dos CTT de reduzir o horário de funcionamento da estação de correios da vila histórica, medida que amarva_02 empresa rejeita ter apresentado à autarquia.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a Câmara de Marvão afirma que os CTT apresentaram uma proposta no sentido de a estação de correios abrir ao público entre as 10:00 e as 10:30, no período da manhã, e das 15:00 às 16:00, no período da tarde.

De acordo com o município, o novo horário foi proposto pela Direção de Serviço a Cliente do Centro Sul dos CTT.

“O município de Marvão contesta a presente alteração, tendo em conta que a vila é sede de concelho, na qual estão localizados importantes serviços públicos de apoio à população”, lê-se no comunicado.

Contactado pela Lusa, o gabinete de imprensa dos CTT garantiu que não vai haver redução de horários naquela estação de correios, mantendo-se a laborar com o horário normal de atendimento ao público, como sucede noutras localidades do país.

No comunicado, os responsáveis camarários alertam ainda os CTT para o facto daquela região possuir uma “importância” turística e que a redução de horários na estação dos correios viria a prejudicar os seus visitantes.

“Dever-se-á salientar também a importância turística da vila, sendo a estação de Marvão bastante procurada por turistas que adquirem bens e serviços dos CTT”, lê-se.

Para o município local, esta medida prejudicaria também os “idosos que se deslocam à vila para levantar as suas pensões”.

HYT.

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Lusa/Tudoben

Comments: 0