As Obras de Rondão Almeida

Views: 5410
Presidente Rondão Almeida numa pausa dos trabalhos
Presidente Rondão Almeida numa pausa dos trabalhos

Circular à Cidade, (da Boa-Fé ao Aqueduto), a inaugurar dentro de 30 dias, um investimento de 5 milhões de Euros. Esta obra irá melhorar as acessibilidades a vários Bairros de Elvas, tornando a ligação mais segura e mais rápida.

Creche, Lar e Cuidados continuados, uma obra da Cruz vermelha Portuguesa Delegação de Elvas e da Câmara Municipal de Elvas. Quatro Milhões de euros, a ser inaugurada em Março do próximo ano. Este equipamento social (Lar) poderá receber cerca de 120 utentes, sendo que a creche vai ter capacidade para 60 crianças.

Residências Autónomas e Lar Residencial, obra a ser inaugurada no próximo ano que vai dotar a APPACDM de Elvas de melhores infra-estruturas para poder continuar a dar resposta aos seus utentes. O Município de Elvas é responsável por 40% das verbas investidas e o Estado português pelos restantes 60%.

Belhó/ Raposeira também fez parte da rota, para ser mostrado aquele que será o próximo centro Social. Uma obra no valor de 1 milhão e meio de euros a ser inaugurada nos próximos meses.

Vila Boim, Terrugem e Sta Eulália, 3 estádios de futebol com relvas sintética a serem inaugurados brevemente. Barbacena fará a inauguração ainda este Verão do seu Pavilhão Multiusos, no valor de 400 mil euros.

Estas e outras obras foram visitadas ontem segunda-feira 20 de Junho por uma comitiva de cerca 60 pessoas entre técnicos, autarcas, associações e comunicação social.

A visita iniciou-se pelas 9.30h e terminou cerca das 20h com jantar e reflexão sobre trabalhos do dia.

Arrancou com as que estão a decorrer dentro e no perímetro próximo da cidade de Elvas e na parte da tarde foram percorridas todas as freguesias rurais do concelho, sendo os presidentes das várias freguesias a fazer a apresentação das obras já terminadas e das que ainda decorrem.

Rondão Almeida, nas suas várias intervenções referiu a importância destes investimentos no concelho e sobretudo nas freguesias rurais, pois só assim e segundo o Presidente da Câmara de Elvas, é possível parar a desertificação das Aldeias e Vilas do Concelho e fixar as pessoas nas suas localidades.

“Dar condições às pessoas para que sintam bem na sua terra e entendam que o Município se preocupa com o seu bem-estar” palavras do presidente do Município.

Comments: 0