Mau tempo. Madeira e 15 distritos de Portugal Continental sob aviso laranja devido à chuva e vento forte – IM

Views: 577

chuva_notQuinze distritos de Portugal Continental e o arquipélago da Madeira estão hoje sob aviso laranja devido à previsão de chuva e vento forte e agitação marítima, de acordo com o Instituto de Meteorologia (IM).

Sob aviso laranja – situação meteorológica de risco moderado a elevado – estão os distritos de Viana do Castelo, Porto, Braga, Vila Real, Bragança, Aveiro, Viseu, Guarda, Coimbra, Castelo Branco, Leiria, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro e o arquipélago da Madeira.

O IM colocou sob aviso amarelo – o segundo menos grave de uma escala de quatro – os distritos de Portalegre, Évora e Santarém devido à previsão de chuva, por vezes forte.

Para hoje, o IM prevê para as regiões a Norte do sistema Montejunto-Estrela céu muito nublado, períodos de chuva ou aguaceiros, por vezes fortes, podendo ser de granizo e acompanhados de trovoadas, queda de neve acima dos 1200 metros, vento moderado de Oeste, soprando forte com rajadas da ordem de 70 km/hora e descida da temperatura.

No Sul, a previsão aponta para céu muito nublado, apresentando abertas a partir do início da tarde, aguaceiros, diminuindo de frequência e intensidade a partir do fim da manhã, em especial no Baixo Alentejo e Algarve, vento oeste moderado, sendo muito forte nas terras altas com rajadas da ordem dos 80 km/hora e descida da temperatura.

Quanto às temperaturas, em Lisboa prevê-se uma máxima de 14º Celsius, no Porto 11º, em Faro 16º, na Guarda 5º e em Bragança 7º.

Devido à forte agitação marítima, estão hoje encerradas à navegação as barras de Caminha, Vila Praia de Âncora, Póvoa de Varzim, Vila do Conde, Douro, Vila Real de Santo António e Tavira.

As barras da Figueira da Foz e Aveiro estão fechadas a embarcações com comprimento inferior a 35 metros e a de Viana do Castelo a embarcações com comprimento inferior a 30 metros.

A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) vai levantar hoje o alerta amarelo nos distritos do Sul do país, mantendo-o no Norte, e espera que o primeiro dia de 2010 revele “normalidade” em todo o continente.

“Às 12:00 de dia 1 de Janeiro, todos os distritos passarão ao estado normal, nível verde, que corresponde a uma situação normal, de monitorização”, refere a Protecção Civil, em comunicado divulgado quarta-feira.

Também o Instituto de Meteorologia anunciou, ao final do dia, que estão consideradas “ultrapassadas” as condições climatéricas anormais previstas em anteriores avisos, “cessando assim as recomendações emitidas”.

A Protecção Civil tem accionado desde segunda-feira o alerta amarelo, segundo nível menos grave de uma escala de quatro, e inicialmente estava prevista a sua manutenção até sábado.

Às 12:00 de 31 de Dezembro, o alerta amarelo passa a azul nos distritos de Beja, Castelo Branco, Évora, Faro, Lisboa, Portalegre, Santarém e Setúbal.

Os restantes distritos (Aveiro, Braga, Bragança, Coimbra, Guarda, Leiria, Porto, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu) mantêm-se em alerta amarelo na passagem de ano.

DD/PDF.

Lusa/Fim.

Comments: 0