Minas de Aljustrel: Dirigentes sindicais voltam hoje ao ministério da Economia

Views: 918

Os representantes sindicais dos mineiros de Aljustrel estarão hoje a partir das 10:00 no Ministério da Economia para ouvir o ministro Manuel Pinho sobre os resultados das negociações de uma eventual venda da empresa que explora a jazida.

    O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) reclama o reinício da laboração da mina e espera até hoje pelo resultado das negociações promovidas pelo ministério da Economia para a venda da empresa a um consórcio estrangeiro, que poderá resolver o problema resultante da cessação dos trabalhos nas minas a 13 de Novembro.

    Segundo o dirigente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira, Jacinto Anacleto, o ministro Manuel Pinho pediu aos delegados sindicais para que aguardassem até hoje para a conclusão das negociações de uma eventual venda das Pirites Alentejanas.

    “Vamos dar o benefício da dúvida”, afirmou o dirigente após uma reunião terça-feira com o ministro.

    A delegação do STIM reivindica a manutenção dos postos de trabalho, a reintegração dos trabalhadores “que foram pressionados a rescindir contrato e a viabilidade da empresa”.

    A Lundin Mining, que detém a Somincor (da mina de Neves-Corvo) e a PA (mina de Aljustrel), suspendeu no passado dia 13 a extracção e produção de zinco naqueles dois complexos mineiros, localizados no distrito de Beja, devido à baixa cotação daquele metal no mercado.

    Durante a suspensão, que vai manter-se até que “haja uma recuperação dos preços”, as minas de Aljustrel ficará com a produção parada e em situação de manutenção das instalações.

   

    JMG/ER

    Lusa/Tudoben

Comments: 1

  1. Good information on your site. I am trying to build a good blog and would love any ideas you have to improve my site.