Solidariedade: Número de “novos pobres” que pede apoio à Cáritas de Vila Viçosa está a aumentar

Views: 286

vila_vicosa_notVila Viçosa – O número de “novos pobres” que pede apoio à Cáritas de Vila Viçosa (Évora) “está a aumentar de forma significativa”, resultante sobretudo do desemprego, em consequência da crise económica, alertou a presidente da instituição, Cremilde Vermelho.

Em declarações à agência Lusa, a presidente da Cáritas Paroquial de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa, explicou que a instituição tem vindo a prestar apoio aos “novos pobres”, nomeadamente através do fornecimento de géneros alimentares, roupas, medicamentos, pequenos arranjos nas habitações e encaminhamento para outras instituições.

“Trata-se de pessoas do concelho que caíram no desemprego e outros que trabalhavam noutras regiões do país, perderam os empregos e regressaram às origens, onde têm casa, embora algumas em mau estado de conservação”, salientou a responsável.

Cremilde Vermelho explicou que os arranjos nas habitações têm sido efectuados com o apoio do município local.

A presidente da Cáritas de Vila Viçosa revelou que a instituição está a promover, até 31 de Janeiro de 2010, a campanha de Natal “Combata a Desigualdade! Seja Solidário!”.

De acordo com a responsável, a campanha surge devido às “graves consequências que a crise económica tem desencadeado no concelho”.

Esta campanha, segundo a Cáritas de Vila Viçosa, pretende sensibilizar a população local para os “dramáticos flagelos” que são a pobreza, a exclusão social, a violência e a injustiça, “cabendo a todos, enquanto cidadãos socialmente responsáveis, unir esforços tendo em vista a minimização destas realidades”.

A instituição pretende, em 2010, criar um centro de dia para idosos em Vila Viçosa, aumentar a capacidade de apoio das valências lar de idosos, centros de convívio e creche e continuar a apostar no apoio directo às famílias mais carenciadas, sobretudo através do fornecimento de géneros alimentares.

TCA.

Lusa/Fim

Comments: 0